sexta-feira, 30 de setembro de 2011

KEEP CALM AND

Keep Calm and Carry On  foi um pôster motivacional produzido pelo governo britânico em 1939, início da II Guerra Mundial, para ser usado somente se o nazismo conseguisse invadir a Grã-Bretanha. O cartaz foi distribuído apenas em número limitado. Em 2000, uma cópia deste pôster foi redescoberta na Barter Books, um sebo na cidade de Alnwick, na Inglaterra. A criação está agora em domínio público, quem gosta de decoração sabe que é praticamente impossível não ter um em casa, virou febre nas decorações.

Quer ter o seu também? AQUI você cria o seu próprio pôster, com a frase, cor e tamanho que bem entender. Depois é só correr para a gráfica.

A figura abaixo mostra Stuart Manley, dono da Barter Books, segurando seu cartaz original, que até hoje pode ser visto pendurado na famosa loja em Alnwick, na Inglaterra.









BJOS

MILLA TRINDADE

A GAVETA QUEBROU??

Em alguns posts anteriores coloquei o que podemos fazer com as gavetas sem utilidade. Mas e com o móvel que por algum motivo ficou sem gaveta? O que fazer?









BJOS

MILLA TRINDADE

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

ÁREA VERDE

Encontrei no site Simples decoração algumas dicas super legais para a área verde, e os pontos importantes que vc deve analisar antes de criar o seu espaço verde são:
1) As características do espaço definem as plantas que devem ser escolhidas -  Cada planta tem as suas necessidades específicas de luz e alimento e suas fraquezas ou forças em relação à incidência de luz, pragas e vento (algumas aguentam tudo e outras são muito suscetíveis).  Para que vc não fique triste pq as plantas morreram ou ficaram doentes logo depois de plantadas, deve saber um pouquinho sobre isso.
Há as plantas de sombra, meia-sombra e sol.  Em geral, as de sombra são as que tem as folhas mais bonitas e as de sol as que tem as flores mais bonitas. Mas estas características variam de lugar para lugar: Uma planta de sol do SUL do país pode ser de meia-sombra no SUDESTE.

sombra:




meia sombra:




sol:




Se vc quer plantas perto de piscina não vai querer que ela faça muitas sombras sobre a água, certo ? Então, veja o quanto a planta cresce, se faz muita sombra e se solta muitas folhas antes de plantar.
 Outra característica é o tipo de solo: Há plantas que gostam de terrenos mais arenosos, outras precisam de terra argilosa.
2) Vc tbém deve analisar a sua disposição para cuidar das plantas -  Algumas precisam de cuidado constante, outras vc deixa lá e praticamente esquece. Cactos, por exemplo, só precisam que os deixemos em paz.  Outras precisam de água duas vezes por dia. Outras perdem as folhas de tempos em tempos e se ficarem perto de piscinas vão dar trabalho. Há também aquelas que só duram por um período (as anuais) e não adianta, vc tem que troca´-las. Outras duram por muito tempo (se bem tratadas) – são as perenes.



3) As características de crescimento das plantas – Toda planta tem um tamanho máximo quando adulta e vc deve considerar isso quando a compra, principalmente se vc pretende plantar no chão, perto de muros. Se plantar em vaso,  o tamanho do vaso não vai deixar a planta crescer o que deveria, mas ela pode não gostar disso e vc deverá trocá-la para um vaso maior. Além disso, algumas crescem devagar (árvores levam anos) e outras crescem feito umas doidas (primavera por exemplo). O Ficus, aquela plantinha que fica bonitinha podada, é uma ÁRVORE, não se esqueça – se plantar no chão perto de muro, fique de olho.

ficus pequeno e ficus grande



Então, para criar a sua área verde sugiro que leia um pouco sobre isso e/OU observe bem o espaço onde pretende colocar suas plantas, anote suas características (sol de que horas a que horas ? Alguma luz  indireta (vindo de janela, etc)  ? Como é a terra ?   É úmido ? É seco ? Tem muro perto ? Quero ter pouco trabalho? etc. e converse, de preferência, com o produtor – um vendedor pode não saber tanto e estar mais interessado em vender que em lhe ajudar. Se vc tiver sorte, ele vai lhe dar dicas preciosas e o seu jardim ou cantinho verde vai ser exatamente do jeito que vc sonha.

planta anual e cactus



BJOS

MILLA TRINDADE


AMIZADE

eeee Tive uma quinta feira agradabilíssima, passei o dia todo com minhas amigas!! ajudando nos preparativos do casamento de uma delas, colocando as fofocas em dia e que almoço deliciosooo... depois ficamos de boa vendo filme, Ameei este dia!!! Jo, Gi foi demais adorei!!!
Amizade é tudo né gente?! eu sou uma pessoa de muita sorte pois tenho amizades para a vida toda!! Amizade de verdade desde a faculdade..rimou rsrsrsrs


BJOS

MILLA TRINDADE

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

BANHEIRO

Gentee olha que lindo esse banheiro azul, adorei!!!!











BJOS

MILLA TRINDADE

IDEIA BEM SIMPLES

Oiii, 

Projetinho bem simples para decorar sua casa... As imagens dizem tudo:












Qualquer imagem, use a criatividade:

courtesy: Balancing Home

BJOS

MILLA TRINDADE

HARMONIA DE CORES OU ESQUEMA DE CORES


Gente, como ficamos em dúvida quando queremos mudar a cor de alguma parede em casa não é mesmo? Se nosso tapete, almofadas, cortinas vão combinar, e tal... Por isso o post de hoje tem algumas dicas para orientar vocês.

As cores harmoniosas são aquelas que funcionam bem em conjunto ou justapostas, e que produzem um esquema de cores atrativo.
O círculo cromático ou roda das cores pode ser utilizado de forma a ajudar na escolha das cores e combinações harmónicas.
Para trabalhar bem as harmonias, é sempre aconselhável conhecer alguns termos relacionados com a teoria das cores, como o conceito de tom, tonalidade, valor ou escala tonal, luminosidade, saturação.



1. Harmonia Monocromática



É a harmonia resultante de uma mesma cor da roda das cores. As tonalidades podem mudar, mas todas ficam no mesmo matiz da roda das cores.
O esquema ou harmonia monocromática utiliza variações de luminosidade e saturação de uma mesma cor.
Estas harmonias luzem simples e elegantes, de fácil percepção ao observador especialmente quando se trata de tons azuis e verdes.
A cor principal pode ser combinada com cores neutras, preto e branco, no entanto pode ser difícil quando se utiliza esta harmonia, ressaltar os elementos mais importantes.
Prós:
A harmonia monocromática, é simples de utilizar e sempre luz balançada e visualmente apelativa.
Contras:
Este esquema carece de contraste. Não é uma harmonia tão vibrante como a harmonia de complementares.
Dicas:
  • Quando realizar um trabalho com harmonia monocromática, utilize as luzes, sombras e tonalidades da cor principal para tornar mais interessante o trabalho.
  • Experimente o esquema análogo; ele oferece certas nuances ainda mantendo a simplicidade e elegância da harmonia monocromática.

2. Harmonia Análoga


É a harmonia formada de uma cor primária combinada com duas cores vizinhas na roda das cores. Uma cor é utilizada como a dominante enquanto que as adjacentes são utilizadas para enriquecer a harmonia.
Prós:
As harmonias análogas são tão fáceis de criar quanto as monocromáticas, no entanto são mais ricas.
Contras:
Um esquema de cores análogas carece de cor de contraste. Não é uma harmonia tão vibrante como a harmonia de complementares.
Dicas:
  • Evitar a utilização de muitos tons numa harmonia análoga, porque poderia destruir a harmonia.
  • Evitar a combinação de cores frias e quentes na mesma harmonia.

3. Harmonia Complementar



É a harmonia que ocorre quando combinamos cores opostas na roda das cores. Em outras palavras, são cores que se encontram simétricas com respeito ao centro da roda. O Matiz varia em 180 º entre um e outro.
Esta harmonia funciona ainda melhor se são combinadas cores frias e cores quentes, como por exemplo vermelho com verde-azul ou azul com amarelo.Uma harmonia complementar é intrinsecamente uma harmonia de contraste.
E importante aquando utilizar esta harmonia, escolher uma cor dominante, e utilizar a complementar para acentos e toques de destaque. Como por exemplo utilizar uma cor para fundo e a outra para destacar os elementos de importância.
Prós:
A harmonia de contraste oferece uma combinação de alto contraste ideal para atrair a máxima atenção do espectador.
Contras:
Este esquema é mais difícil de balançar que os esquemas análogos ou monocromáticos, especialmente quando são utilizados coreis quentes não saturadas.
Dicas:
  • Para melhores resultados, é aconselhável escolher cores frias e cores quentes, como por exemplo azul e laranja.
  • Se se estiver a utilizar uma cor quente (vermelho ou amarelo) para ressaltar, é aconselhável utilizar uma cor fria não saturada para dar mais ênfase á cor quentes.
  • Evitar para esta harmonia a utilização de cores não saturadas quentes, como castanhos e ocres.
  • Utilizar o esquema duplo complementaria já que oferece mais variedade.

4.Harmonia Triádica



É a harmonia onde usamos três cores equidistantes no circulo cromático. Por exemplo azul, amarelo e vermelho. Esse tipo de combinação consegue dar um efeito visual muito atraente.
Esta harmonia é muito popular entre os artistas porque oferece um alto contraste visual, ao mesmo tempo que conserva o balanço e a riqueza das cores. Esta harmonia não é tão contrastante como o esquema de complementares, mas aparece mais balançado e harmonioso
Prós:
Esta harmonia triádico oferece alto contraste mantendo a harmonia.
Contras:
Não é um esquema de tanto contraste como o esquema complementar.
Dicas:
  • Escolher uma cor para ser utilizada em maiores áreas que as restantes
  • Se a combinação tem aspecto de mau gosto, tente domina-las

5. Harmonia do Complemento dividido




É a harmonia conseguida através da mistura de uma tonalidade da escala com as duas vizinhas da cor directamente oposta a primeira.
Esta é uma variante da combinação de harmonia de complementares. Que utiliza uma cor como principal e as duas cores adjacentes ao seu complementar.
Esta é uma harmonia que oferece um grande contraste sem a tensão do esquema complementar.
Prós:
Esta harmonia oferece mais nuances que o esquema complementar ao tempo que retem a força e contraste visual.
Contras:
Esta harmonia é mais difícil de balançar que as harmonias análogas ou monocromáticas
Dicas:
  • Utilizar uma cor quente como dominante e uma gama de cores frias para ajudar a dar mais ênfases á cor quente como por exemplo vermelhos contra azuis ou azuis-verdes ou laranjas contra azuis ou azuis-violetas
  • Evite utilizar cores quentes não saturadas como os castanhos ou ocres porque poderia arruinar o esquema.

6. Harmonia Dupla complementar


Como o nome indica, refere-se a harmonia conseguida por dois pares de cores complementares entre si.
Denominado por alguns como tetradas, estas combinações são as mais ricas de todas as harmonias, porque utiliza quarto cores sendo elas complementares em pares.
É no entanto uma harmonia muito difícil de trabalhar. Se as quatro cores são utilizadas em iguais proporções, a harmonia parecerá desequilibrada, pelo qual deverá sempre ser escolhida uma cor como a dominante e com esta dominar as restantes.
Prós:
Este esquema oferece uma maior variedade na sua combinação que qualquer das harmonias mencionadas.
Contras:
E a harmonia mais difícil de trabalhar.
Dicas:
  • Se o esquema parece desequilibrado, deverão ser dominadas ou subjugadas uma ou mais coes.
  • Evitar a utilização de coes puras em iguais proporções.


7. Harmonia Acromática

È a harmonia conseguida pela utilização de cores neutras, ou seja as cores situadas na zona central do círculo cromático, próximos ao centro deste, que perderam tanta saturação que não se aprecia nelas o matiz original.

8.Harmonias da Natureza

Algumas combinações da natureza, funcionam muito bem embora as cores que formam o esquema ou harmonia, não constituam nenhum esquema específico conhecido na teoria das cores. Estou a me referir a por exemplo, esquema de cores de primavera ou esquema de cores de Outono.

courtesy: Amopintar

BJOS

MILLA TRINDADE